Campanha contra Febre Aftosa tem mais de 47% do rebanho vacinado

7 de julho de 2020 - 18:18 # # # # #

Quase metade (47,91%) do rebanho do Ceará já está vacinado contra a Febre Aftosa nessa primeira etapa de 2020. Segundo a Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri), órgão vinculado a Secretaria do Desenvolvimento Econômico (Sedet), a previsão é que sejam vacinados cerca de 2,6 milhões de bovinos e 1,4 mil de bubalinos no Ceará. A Campanha teve que ser prorrogada até o próximo dia 31 de julho devido a dificuldade de adesão a Campanha, como consequência da Pandemia do novo Coronavírus. O prazo de comprovação da vacinação pelo produtor rural também foi prorrogado para o dia 31 de agosto de 2020.

A presidente da Adagri, Vilma Freire, reforça que a declaração da vacinação seja feita prioritariamente através do Portal do Produtor, com link no site da Adagri (www.adagri.ce.gov.br ). Outra possibilidade é enviar a declaração para o e-mail oficial da Agência (aftosa2020@adagri.ce.gov.br). Isso evitará aglomerações nos escritórios, já que o Ceará continua em isolamento social. “São várias as maneiras de efetuar a declaração sem precisar deslocar-se até um escritório da Adagri ou Ematerce. Vamos agilizar e não deixar para a última hora. Precisamos da colaboração de todos para que muito em breve o Ceará venha a ser livre de Febre Aftosa sem vacinação.”

Ceará Livre da Aftosa sem Vacinação

O Programa Nacional de Febre Aftosa (PNEFA), Plano Estratégico 2017 – 2026, prevê que a última etapa de vacinação contra febre aftosa no Estado do Ceará poderá ocorrer em maio de 2021, quando o estado deve se tornar livre de febre aftosa sem vacinação, reconhecido nacionalmente pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e internacionalmente pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). “A partir daí será pleiteado junto ao Mapa o status do Ceará livre da Febre Aftosa. Por isso é importante que os produtores cumpram esses calendário vacinal, pois só assim estaremos aptos a alcançar esse status”, reforça a presidente da Adagri, Vilma Freira.